O despertar dos Valores Humanos promove a verdadeira evolução do homem, da nação e do mundo! Fale o bem, pense o bem, faça o bem, sinta o bem e mude o mundo para melhor! Izabel Ribeiro.

Projeto Teófilo Otoni Capital Mundial das Pedras Preciosas e dos
Valores Humanos.

"Lapidando pedras e agora lapidando gente”.

A Educação Verdadeira deve simultaneamente, preencher a cabeça com conhecimento e o coração com virtudes, para isso é preciso desenvolver virtudes, lapidando assim, nossos defeitos, imperfeições de caráter.

Mas enquanto família e escola continuarem limitando a ideia de educação como: apenas adquirir conhecimento, priorizando a aquisição de informação em detrimento da formação do caráter, ou seja, desenvolvimento de virtudes, valores humanos, como bondade, compreensão, amor, solidariedade, verdade, bom humor, coragem, humildade, tolerância, paz, alegria, etc. Estaremos na verdade, dando “asa para cobra”. Formando pessoas inteligentes, com grande conhecimento intelectual, mas com coração ruim, tristes e com comportamentos violentos, ajudando, a construir, assim uma humanidade, cada vez mais violenta e infeliz.

A violência, a maldade e infelicidade humana têm aumentado, em todo o mundo de maneira geral.

Apesar do grande avanço tecnológico que a humanidade conseguiu atingir, podemos perceber que nosso verdadeiro avanço foi externo, porque internamente ainda estamos na idade da pedra, pois em pleno séc. 20 ainda estamos resolvendo nossos conflitos com a guerra, com a morte! O que fazer? Nada? Sim há muito que se fazer, para haver paz no mundo é preciso haver paz dentro das pessoas, para haver paz dentro de nós é preciso, desenvolver virtudes, valores humanos, lapidando nossos defeitos. Desse modo temos a garantia de que a inteligência, o conhecimento intelectual, o dinheiro do ser humano, não serão usados para o mal e/ ou de uma maneira egoísta e sim de maneira altruísta, para o bem da humanidade.

“Os valores forjam o caráter e o caráter define o homem”.

O PROJETO TEÓFILO OTONI, CAPITAL MUNDIAL DOS VALORES HUMANOS, tem uma solução eficaz e eficiente, para mudar esse triste quadro e o rumo da nossa cidade, e ainda servir de exemplo, para as demais cidades do Brasil e até mesmo do mundo. Não devemos e nem podemos ficar de braços cruzados, pois devido à lei da entropia para as coisas piorarem não é preciso esforço algum, é só a gente ficar sem fazer nada que naturalmente as coisas pioram. E mais, se continuarmos fazendo o que sempre fizemos, vamos receber o que sempre recebemos, é preciso fazer algo diferente para termos um resultado diferente.

“A vela só se mantém acesa se o combustível, cera, se der ao desgaste, sejamos, pois ceras”.

Teófilo Otoni, já é a capital mundial das pedras preciosas e semipreciosas, somos conhecidos no mundo todo pela existência e lapidação dessas pedras, agora está na hora de sermos conhecidos no mundo todo, também pela transformação, lapidação de pessoas, a partir da implantação, da metodologia da Educação em Valores Humanos. Em escolas e faculdades públicas e particulares, empresas, comunidades, bairros, favelas, lares, micro, pequena e grandes empresas, comércios, prisões, polícia civil e militar, repartições públicas etc., desenvolvendo em nossa cidade uma cultura de paz, que efetivamente, contribua para a diminuição da violência nas escolas, ruas, bairros e lares etc. transformando, definitivamente.

Teófilo Otoni na Capital Mundial dos Valores Humanos.

Com o objetivo de conscientizar a população de Teófilo Otoni, sobre o que é a verdadeira Educação, e colocá-la em pratica aqui em nossa cidade, e com isso fazer um ajuste de rota na educação, de Teófilo Otoni, Minas Gerais e até mesmo do Brasil, há 16 anos, foi idealizado e vem sendo desenvolvido, por Izabel Ribeiro.

O Projeto Teófilo Otoni Capital Mundial dos Valores Humanos, Que tem como Meta transformar Teófilo Otoni, Na Capital Mundial dos Valores Humanos, fazendo de nossa cidade um modelo para todo Brasil e o mundo, mostrando como deve ser, e como se faz, a verdadeira educação, que é aquela que molda o caráter e seus resultados positivos, para a comunidade, como a diminuição e controle da violência, e construção de relações humanas mais harmoniosas e felizes.

Para atingir o objetivo, do projeto, já vem sendo trabalhado, através de palestras que conscientizam sobre a importância dos valores humanos, e ensinam como desenvolve-los em nós e em nossos filhos. Esse trabalho tem sido feito junto a professores de escolas públicas e particulares, pais, enfim todos os segmentos de nossa comunidade. A metodologia da Educação em Valores Humanos, não é religião, é uma metodologia sistematizada, que consiste no uso de cinco técnicas, são elas: citação ou provérbios, histórias, meditação ou sentar em silêncio, canto grupal, e atividade integracional. Que podem ser utilizadas, juntas ou separadamente. A aplicação das técnicas dessa metodologia visa o desenvolvimento dos Valores humanos.

“A educação atual está penas informando, a verdadeira educação deve transformar o ser humano através do desenvolvimento de virtudes em seu coração, tornando-o bondoso e compassivo, afim de que sua inteligência seja usada para um fim benéfico para si e para a humanidade, dessa maneira, a escola passa a ser, um local de avanço para humanidade”. Izabel Ribeiro

“Não vá dormir pensando que uma ideia é impossível, pois você pode ser acordado pelo barulho de alguém que a executa”.

 

O que são Valores Humanos?
É o mesmo que virtudes humanas, como bondade, amor, paz, honestidade, humildade, bom humor, entusiamo, resiliência, flexibilidade, sabedoria, segurança, alegria, felicidade, coragem, dinamismo, conduta, correta, conduta pacífica etc. 

Por que Valores Humanos?
Toda a evolução científica e tecnológica da humanidade não tem sido capaz de nos trazer mais felicidade, tranquilidade e paz. E se isso está acontecendo, alguma coisa está errada. Temos de rever nossos conceitos e revolucionar o modo como vivemos para que a relação entre tecnologia e infelicidade humana não aumente ainda mais. "Revolução", aqui, é mudança de atitude. Afinal, se continuarmos fazendo o que sempre fizemos, vamos receber o que sempre recebemos. É preciso fazer algo diferente para ter um resultado diferente. 

Qual o problema do mundo? 
Falta de valores humanos no coração das pessoas. Para melhorar o mundo é preciso melhorar o homem, para melhorar o homem é preciso desenvolver valores humanos em seu coração. Pessoas melhores fazem o mundo melhor!

Qual seria a solução? 
Introduzir a metodologia sistematizada dos Valores Humanos nas escolas, empresas, repartições públicas e casa. 

Como consertar o mundo? 
Era uma vez um pai que estava trabalhando, e o filho de 7 anos chegou e disse:
- Pai vamos brincar? 
E o pai como estava precisando de tempo para terminar um trabalho, teve a ideia de pegar um mapa do mundo, rasgar e pedir que o filho montasse. Depois que isso fosse feito, o pai ia brincar com o filho, porém ele pensou que o garoto ia demorar umas 2 horas para fazer isso.
Para surpresa do pai, após 15 minutos o garoto volta com o mapa montado certo. O pai surpreso disse:
- Filho, você não sabe ainda como é o mundo, como você conseguiu montar o mapa todo certinho e tão rápido?
E o filho respondeu:
- Pai, eu não sei como é o mundo, eu ainda não aprendi isso na escola, mas eu sei como é o homem. Do outro lado do mapa que o senhor me deu tinha a figura de um homem, eu fui consertando o homem e acabei consertando o mundo.
Qual a lição dessa história: para consertar o mundo temos que consertar o homem, para consertar o homem, ele deve desenvolver valores humanos, virtudes em seu coração. 
Autor desconhecido 


Como desenvolver, despertar Valores Humanos na escola, local de trabalho e casa? 
É através da integração do Programa de Educação em Valores Humanos na escola, local de trabalho e casa, que não é religião, é uma metodologia sistematizada que promove a vivência portanto o desenvolvimento dos Valores Humanos, é composta de 5 técnicas, são elas: 

1- Citação;
2- Metáfora (história);
3- Meditação ou ficar em silêncio;
4- Canto em grupo;
5- Atividade integracional ou dinâmica de grupo. 


Quanto tempo gasto para utilizar essas técnicas? 
5 ou 10 minutos por dia durante 5 dias da semana ou 50 minutos uma vez por semana para escolas, empresas, organizações públicas e casa. 

Como tudo começou e como estamos hoje?

A primeira palestra do Projeto Valores Humanos,foi ministrada na  Escola Estadual Nossa Senhora de Fátima,em 2002,pela psicóloga, escritora e idealizadora e coordenadora do Projeto Valores Humanos, Izabel Ribeiro, hoje em mais de 16 anos de projeto, já foram  mais de 300 palestras.A Escola Estadual Pastor Hollerbach,pioneira no trabalho da Educação em Valores Humanos em Minas Gerais,  foi a primeira grande  parceira do projeto Valores Humanos,tudo começou com uma ligação da Diretora Maria Cristina Barcellos,para psicóloga Izabel Ribeiro e feita a parceria da escola com o projeto, os professores foram treinados e implantado nessa escola as 5 técnicas da Educação em Valores Humanos, devido aos resultados positivos do projeto nessa escola, o Projeto Valores Humanos em Parceria com a Escola Estadual Pastor Hollerbach,e a Superintendencia de Ensino de Teófilo Otoni, foi  realizado o primeiro Seminário de Educação em Valores Humanos, com todos os professores da rede estadual de educação de Teófilo Otoni, e  depois em uma nova  parceria com a Escola Pastor Hollerbach e a Secretaria Municipal de Educação, foi realizado em Teófilo Otoni, o primeiro Seminário de Educação em Valores Humanos , com todos os professores da rede municipal de educação.Muito obrigada Diretora Maria Cristina Barcellos e toda sua equipe da Escola Estadual Pastor Hollerbach,pela parceria e empenho ,sem vocês o projeto não existiria.Vocês fazem a diferença na educação e provam que é possivel transformar o mundo através da educação.

No final de 2016, o trabalho realizado na Escola Estadual Bom Jesus, a convite da supervisora Margareth, foi iniciado com a finalidade de desenvolver a Inteligência Emocional entre alunos. Esta se define como a capacidade de perceber, dar nome e administrar as emoções para alcançar objetivos e se relacionar virtuosamente com as pessoas.

Segundo Daniel Goleman - autor do Best Seller Inteligência Emocional - os psicólogos concordam que o Q.I. contribui com apenas 20% dos fatores que contribuem para o sucesso. Um total de 80% vem de outros fatores, incluindo o que chamam de Inteligência Emocional, e praticamente todas as escolas ainda focam seus esforços apenas no QI.

A partir do trabalho dos professores do corpo docente, da supervisora Margareth e da Diretora Gilvana e de seu resultado altamente positivo, a psicóloga Izabel Ribeiro teve a ideia do Emocionômetro de Grupo e essa foi imediatamente colocada em prática.Esse ano já foi iniciado o trabalho com os alunos da Escola Estadual Bom Jesus, com o auxílio do Emocionômetro de Grupo, o sucesso foi inegável por parte de professores e alunos.

As contribuições do trabalho com Inteligência Emocional continuam a melhorar a cada dia, fazendo da Escola Estadual Bom Jesus pioneira na rede pública de Teófilo Otoni, Minas Gerais e do Brasil. Não obstante essa ainda inovou as atividades com a Inteligência Emocional, com o auxílio do Emocionômetro de Grupo, sendo referência e dando o exemplo positivo, que pode ser seguido por outras instituições de ensino.

Com adultos em empresas e repartições públicas também o resultado foi gratificante, e está sendo admirado, uma vez que o Emocionômetro de Grupo devido a parte do material escolhido para confecção do produto, que é uma alusão a brincadeira, as bolinhas para piscina, desmistificando e facilitando o trabalho com as emoções, logo deduz-se que o produto é uma forma lúdica, sem resistência e de simples manipulação para crianças, adolescentes e adultos desenvolverem a Inteligência Emocional Q.E. e se beneficiarem das habilidades desenvolvidas, com o trabalho dessa.

Segundo Daniel Goleman, a Inteligência Emocional QE, é o maior responsável pelo sucesso ou insucesso dos indivíduos e concomitantemente gera qualidades como: afabilidade, compreensão e gentileza, fazendo do mundo um lugar melhor para se viver.E continuamos evoluindo sempre!